20 de dez de 2005

Linux no notebook G733

Instalei o Ubuntu 5.10 no meu notebook ECS G733, depois de experimentar o CL 10 e o Debian Sarge. Confirmando o que era esperado, o Ubuntu reconheceu muito mais coisas e deixou o micro bem pronto para o uso.

O único problema, que ocorreu em todos os Linux instalados, foi configurar o teclado: o G733 tem um teclado ABNT2 estranho, onde o ponto de interrogação (question mark, em inglês) é digitado com Alt Gr + W. As teclas Q, W e E pressionadas com Alt Gr resultam respectivamente em uma barra (/ ou slash), o ponto de interrogação (? ou question) e um sinal de grau (° ou degree).

Depois de pesquisar, a melhor solução foi editar o arquivo /etc/X11/xkb/symbols/br, na seção xkb_symbols "abnt2". A modificação consiste em trocar a linha abaixo (linha 25):

key <ad03> { [ e, E, EuroSign ] };

pelas três linhas abaixo:

key <ad01> { [ q, Q, slash ] };
key <ad02> { [ w, W, question ] };
key <ad03> { [ e, E, degree ] };

Isso resolve o problema de modo definitivo, sendo preciso apenas reiniciar o servidor X. A solução anterior usava xmodmap e dependia de um script a ser rodado na inicialização - e nunca me agradou. Sempre achei que deveria haver um modo de mudar a configuração num único arquivo.

Depois de instalar o Ubuntu instalei o pacote kubuntu-desktop. Depois disso resolvi mudar para o Kubuntu... que já está devidamente instalado e configurado.

5 comentários:

José Luís Carneiro disse...

Alexsander,
Uso o Ubuntu 5.10 num Toshiba IS1421 da empresa e, mesmo sendo de outra marca, ele usa o mesmo layout de teclado que o ECS.
Fiz as alterações que você sugeriu e, mesmo reiniciando o terminal X, continuo obtendo o mesmo "l" cortado (? e ?) quando teclo AltGR + W.
Para obter a interrogação, preciso recorrer ao Mapa de Caracteres. :(
Alguma sugestão?

Anônimo disse...

oi alexsander por favor entre em contato com sidney 11 68613786.
aguardo. grato

Anônimo disse...

Obrigado por compartilhar a dica do teclado. Tive o mesmo problema em relação à "?" em um Acer 5612nWLMi.

Luis Henrique disse...

Valeu pela dica Alexsander. Eu uso o CentOS 4 não Ubuntu, tive o mesmo problema e na primeira vez que fiz o que você sugeriu não deu certo, como aconteceu com o José Luís. Aí descobri que o arquivo certo que eu tinha que alterar é o "/etc/X11/xkb/symbols/pc/br". Varia de acordo com o sistema. Então, quem for usar a dica tem que saber que arquivo alterar. Eu descobri fuçando. Não conheço um comando que indique qual é este arquivo.
Você sabe?
Abraço,
Luis Henrique Spiller

Anônimo disse...

Oi Pessoal,

Estou com esse problema tb. Meu notebook é um acer 5050. Contudo nao tenho e nao pretendo ter o servidor X instalado... essas solucoes resolveram no Bash?
Grato